top of page
blog lab cosméticos.png

Os Principais Desafios ao Comprar Cosméticos no Atacado e Como Superá-los

Ao comprar produtos para sua revenda de cosméticos, é essencial ter cuidado e atenção para evitar os problemas comuns associados à compra no atacado, a fim de evitar prejuízos. Comprar cosméticos no atacado envolve critérios, como um número mínimo de produtos para efetuar a venda.

Neste artigo, apresentamos algumas dicas que ajudarão você a evitar os desafios mais comuns na compra de cosméticos no atacado, permitindo uma melhor gestão da sua distribuidora.

Falha em conferir o estoque de produtos

Antes de fazer uma nova compra de cosméticos no atacado, é fundamental verificar o estoque existente. Identifique quais produtos estão com poucas unidades, quais já se esgotaram e, especialmente, quais estão parados nas prateleiras. Os produtos com baixa rotatividade devem ser observados, pois podem indicar outros problemas, conforme discutiremos a seguir. Além disso, é importante ter um controle do número de unidades de cada produto vendido por semana, permitindo uma estimativa mais precisa para a próxima compra.


Desatenção à sazonalidade

Alguns cosméticos são sazonais, ou seja, têm maior demanda em determinadas épocas do ano, como no inverno ou no verão. Por outro lado, durante as estações opostas, esses produtos terão uma baixa rotatividade. Fique atento a essa sazonalidade. Quando o verão estiver chegando ao fim, reduza a quantidade de compra de cosméticos no atacado que protegem o cabelo do sol. Da mesma forma, no final do inverno, diminua o estoque dos produtos que têm maior saída nessa estação.


Dificuldade em calcular a quantidade ideal para a compra

Se você está comprando cosméticos para revenda pela primeira vez, ou se teve experiências anteriores com produtos específicos que não tiveram a rotatividade esperada, é recomendável adquirir apenas a quantidade mínima. Portanto, faça a compra mínima e, caso haja boa aceitação, reduzir o intervalo até a próxima compra de cosméticos no atacado, evitando que o produto fique em falta.


Desconsiderar a segmentação do público

Geralmente, o público que compra no atacado é segmentado, ou seja, os clientes têm preferências diferentes em relação aos produtos. Isso pode dificultar as compras, pois alguns produtos, mesmo com demanda, representam uma parcela pequena das vendas, mas ainda são fundamentais para o sucesso do negócio. Nesses casos, é importante ter esses produtos em estoque, mas fique atento à quantidade a ser comprada a cada venda. Limite-se ao valor mínimo de compra, garantindo que o produto esteja disponível, mas evitando que ele fique parado por muito tempo nas prateleiras.


Não verificar a data de validade dos produtos

Ao comprar cosméticos no atacado, é crucial verificar.

Procure comprar cosméticos com a data de validade mais longa possível – assim mesmo com o estoque cheio, fará com que os produtos estocados não sejam perdidos. E outra dica é ficar atento a forma de acondicioná-los, seguindo as instruções do produto.

7 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page